Calma, muita calma nessa hora

O São Paulo, que há algumas rodadas estava em “crise”, já é o vice-líder do Campeonato Paulista. O Botafogo, que outro dia levou de seis do Vasco, lidera seu grupo no Estadual do Rio. O Grêmio, que tinha montado um grande elenco e contratado o técnico sensação de 2009, hoje é vaiado por seus torcedores.

Estes são apenas alguns exemplos que provam o quanto é preciso ter calma nesse momento. Estamos no começo de fevereiro, quando os times, teoricamente, deveriam estar no final da pré-temporada. Porém, ao contrário disso, todos já foram jogados aos leões e têm que provar seu valor, no mínimo, duas vezes por semana.

As equipes ainda estão em formação, os técnicos buscam a melhor escalação e os jogadores seguem melhorando fisicamente. Claro que a paciência de muitos dirigentes e torcedores é curta, mas, pelo menos do primeiro grupo, deveria ser um pouco maior.

Os exemplos dados no primeiro parágrafo podem ser trocados por outros. O Corinthians, por exemplo, estava prestes a assumir a liderança, e de repente perdeu uma grande invencibilidade no Paulistão e já começam a questionar Mano Menezes sobre o rodízio de jogadores. O Flamengo, no Rio, tropeçou no Olaria, mesmo com a dupla Adriano-Vágner Love fazendo gols adoidado.

Claro que, em alguns trabalhos, com poucos jogos, já é possível fazer uma análise e chegar a conclusão de que é ruim. Mas essa não é a regra.

Tags: , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: