Hipocrisia pela comemoração alheia

As atletas, certamente, treinaram duro por quatro anos por esse momento. Dedicaram todo seu tempo para os treinos, competições, concentrações, enfim, passaram os últimos anos com um único objetivo: o título olímpico em casa. No final, comemoraram o feito.

Esse é o resumo da ópera da conquista da medalha de ouro pela seleção feminina de hóquei sobre o gelo do Canadá, nos Jogos Olímpicos de Vancouver. Na decisão, as canadenses bateram o Estados Unidos por 2 a o e ficaram com o tão sonhado título. No entanto, como a hipocrisia impera no mundo, os mocinhos e mocinhas saíram criticando a comemoração das atletas.

Tudo porque, após a entrega de medalhas e já sem muitos torcedores no ginásio, ao invés de se restringirem aos vestiários, as jogadoras estenderam a festa para a quadra. E, obviamente, a festa não era regada com suco de laranja e salgadinhos, mas cerveja, champanhe e charuto.

Não demorou para surgirem milhares de críticas e uma investigação do Comitê Olímpico Internacional sobre o assunto. No mundo politicamente correto em que vivemos, a federação canadense rapidamente emitiu um pedido de desculpas.

Para tentar ser sintético na análise: se tudo isso tivesse ocorrido dentro dos vestiários, não haveria problema algum, mas como elas resolveram comemorar “em público”, não pode. Façam-me o favor…

A hipocrisia de todos é enorme nesse caso. Elas têm todo o direito de comemorar, até porque, como escrevi mais acima, dedicaram boa parte da vida nos últimos anos somente para esse momento. Têm que extravasar mesmo. “Ah, mas são atletas, modelos para crianças”. Os pais também são, certo? Por isso eles deixam de ir às festas, beber em churrascos e fumar cigarros?

E tem mais. Comparando, por exemplo, com as comemorações de títulos em esportes masculinos, onde os beberrões se enchem de cerveja ou champanhe em campo e ninguém fala nada: por que ninguém critica? Exemplos? Título na Bundesliga, vitórias na Fórmula 1, triunfos de finais de rugby e por aí vai. Existe aí também um certo preconceito contra as mulheres.

A onda do politicamente correto, em muitos aspectos, é extremamente positiva (como nos hábitos mais saudáveis ou que visam a preservação da natureza), mas em muitos outros, como nesse caso, é pura hipocrisia.

Tags: , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: